Piada Legal
Piada Nova

as melhores piadas


Piadas de cornos












  1. 120 - O que vê a mulher com outro fazendo um 69, sai e vai no boteco tomar uma 51.
  2. 7 de setembro - Aquele que a mulher só dá bandeira.
  3. Abelha - O que vai para a rua fazer cêra e volta cheio de mé.
  4. Ambulância - Aquele que quando vê a mulher com outro sai gritando: Uau! Uau! Uau!
  5. Ateu: Aquele que leva chifre e não acredita.
  6. Atleta - Enquanto ele sai para jogar futebol, o Ricardão chega para encher a bola.
  7. Atrevido: Aquele que se mete na conversa da mulher com o Ricardão
  8. Azulejo - Baixinho, quadrado e liso.
  9. Banana - A mulher vai embora e deixa uma penca de filhos.
  10. Bateria - O que fica dizendo: "Vou tomar uma solução!".
  11. Brahma - Aquele que pensa que é o número 1.
  12. Bravo: Aquele que quando chamado de corno quer brigar.
  13. Brincalhão: Aquele que leva chifre o ano inteiro e no carnaval sai fantasiado de Ricardão.
  14. Burro - é aquele que segue a mulher o tempo todo e quando flagra a mulher saindo do motel com o Ricardão, exclama: "Eu não entendo!!!".
  15. Camarada: Aquele que ainda empresta dinheiro para o Ricardão.
  16. Caninha: Aquele que só chega em casa bêbado.
  17. Cebola: Quando vê a mulher com outro só chora.
  18. Cético - Quando vê a mulher com outro não acredita.
  19. Churrasco: Aquele que mete a mão no fogo pela mulher.
  20. Cigano: Aquele que toda vez que leva chifre, muda de bairro e diz para os vizinhos que veio de São Paulo.
  21. Crente: Aquele que sempre crê que sua mulher é honesta.
  22. Cururu: Quando vê a mulher com outro fica todo inchado.
  23. Denorex: Aquele que não parece, mas é.
  24. Descarado: Aquele que leva chifre e ainda sai desfilando com a mulher.
  25. Desconfiado: Aquele que quando chega em casa procura o Ricardão até atrás dos quadros.
  26. Desinformado - Só ele é que não sabe.
  27. Detetive: Aquele que segue a mulher dos cornos e esquece da dele.
  28. Dinossauro - Quando chega em casa, grita: "Querida, Cheguei!"
  29. Educado: Aquele que aprendeu com o pai e nunca deixa de cumprimentar o Ricardão.
  30. Elétrico: Quando os outros falam que ele é corno ele diz: "Tô ligado".
  31. Familiar: Aquele que leva chifre de parente.
  32. Famoso: Aquele que por onde passa ‚ reconhecido como tal.
  33. Fofoqueiro: Aquele que leva chifre e sai contando para todo mundo.
  34. Fraterno: O que empresta a mulher para o irmão
  35. Frio: O que leva chifre e não esquenta.
  36. Galo: O que tem chifres até nos pés.
  37. Geladeira - O que leva chifre mas não esquenta.
  38. Granja - O que dá casa e comida mas é os outros que comem.
  39. Inflação - A cada dia que passa o chifre aumenta.
  40. Iô-Iô: O que vai e volta.
  41. Jibóia - O que dorme entre as pernas da mulher.
  42. Justiceiro - Aquele que se vinga dando o rabo.
  43. Macumbeiro - Chega em casa e tem que tirar o Caboclo de cima da mulher.
  44. Manso - O que vê a mulher com outro e só balança a cabeça.
  45. Masoquista: Aquele que leva chifre e não larga a mulher.
  46. Medroso: O que fica escondido esperando o ricardão ir embora.
  47. Morcego - Aquele que só aparece à noite para chupar.
  48. Papai Noel: Aquele que leva chifres, vai embora e volta por causa das crianças.
  49. Político - O que promete: "Eu vou matar esse cara!"; mas nunca cumpre.
  50. Porco - Aquele que só come resto.
  51. Preguiça: O que só chega atrasado,"Eu ainda te pego".
  52. Prevenido - O que liga para a esposa antes de ir para casa.
  53. Recado: Aquele que ainda leva bilhete da mulher para o Ricardão.
  54. Religioso - Aquele que acha que a mulher dá para fazer caridade.
  55. Risadinha: O que leu tudo e está rindo de todos outros cornos acima
  56. Salário - Baixinho e só comparece uma vez por mês.
  57. Socialista - Aquele que não se importa em dividir com os outros.
  58. Teimoso: O que leva chifre da mulher e da amante.
  59. Terremoto - Quando vê a mulher com outro começa a tremer.
  60. Vingativo: Aquele que descobre que é corno e vai para a rua dar para qualquer um.
  61. Xuxa - O que não larga a mulher por causa dos baixinhos.









Regressando inesperadamente de uma longa viagem ao exterior, um médico muito elegante de meia idade, toma um táxi no aeroporto e dá ao motorista o endereço de sua casa.

Em uma das ruas do caminho, o médico vê uma mulher com um vestido verde muito decotado, entrando numa boate. Ele olha bem e, quase sem acreditar, perceber que conhece aquela mulher.

Notando que o taxista era bem fortão, do tipo “topa tudo por dinheiro”, ele pede que volte à porta da boate. Do bolso ele tira um maço com dez notas de cem dólares e diz ao motorista:

-Aqui tem mil dólares. Eles são seus, se você entrar na boate e tirar de dentro aquela mulher vestida de verde, com um decote exagerado, que acaba de entrar. Mas tem que tirar e encher de porrada, sem dó, porque aquela sem vergonha é a minha mulher.

O taxista nem pensa duas vezes. Para o carro e entra na boate. Pouco tempo depois ele sai, puxando uma mulher pelos braços, já toda descabelada e com a cara pingando sangue.

O médico, de dentro do táxi, olha para aquilo e fica doido quando nota que a mulher está vestida de vermelho e sai correndo para avisar o motorista do engano:

-Para! Para! Essa aí não é a minha esposa! Eu falei que o vestido dela é verde! Você tem daltonismo, confunde verde com vermelho?

O motorista “topa tudo” responde:

-Não esquenta, não. Tá tudo certo com meus olhos. Esta é a minha mulher. Já tô voltando lá dentro pra buscar a tua!





Um pintor de paredes era paradão na mulher do vizinho. E pelo jeito ela correspondia. Rolava um certo clima, trocas de olhares, mas a coisa nunca evoluía, porque o marido era um baita ciumento e trancava a mulher dentro de casa quando saía pro trabalho.

Querendo arrumar um jeito de se aproximar, o pintor teve uma idéia.

-Sabe como é, Joaquim – disse ele, pro vizinho – Nós somos vizinho há tanto tempo. Eu ando com um tempo sobrando, então tava pensando. Você não quer que eu pinte sua casa de graça?

-Claro, meu camarada! -Agradeceu ele - Aparece aqui amanhã de manhã que você já começa!

No dia seguinte, logo cedinho, o pintor chega todo animado, lata de tinta numa mão, pincel na outra. E o marido ciumento diz:

-Se você não se importa, vou trancar a porta. Não gosto que minha mulher fique dando voltinhas por aí.

-Claro, Joaquim. Você é quem sabe!

Foi só o marido sair para o trabalho que começou o rala e rola. O negócio foi esquentando, mas de repente ouve-se um barulho de porta. O corno tinha voltado!

-E agora? -pergunta a mulher, desesperada.

O pintor só teve tempo de pegar o pincel e começar a pintar, com um jeito bem distraído.

O que é isso?- pergunta o marido, assustado - Você pede pra pintar minha casa e fica pelado na frente da minha mulher?

–Pô, eu tô pintando de graça e você ainda quer que eu suje a minha roupa?

–Hummm!?? E esse pinto duro, aí? - Diz ele, apontando para o referido do pintor, que estava em ponto de bala.

E o pintor responde com a maior naturalidade:

–E onde é que você queria que eu pendurasse a lata?




home   -   contato   -   melhores piadas   -   melhores vídeos   -   mapa do site
© 2011-2017 Piada Nova - v2.0